Agendamento on-line

Agendamento Ícone Agendamento de Consulta

Agendamento Usuário Ícone
seg. a sex. 11. 97197-1234
Dr. Vitor Cervantes Gornati

Dr. Vitor Cervantes Gornati

Cirurgião Vascular
e Endovascular
CCRM 135239 / RQE 48202
Agendar
Dra. Karen Utsunomia

Dra. Karen Utsunomia

Cirurgião Vascular
e Endovascular
CRM 139678 / RQE 51452
Agendar
Dr. Daniel Faccioli Lopes

Dr. Daniel Faccioli Lopes

Cirurgião Vascular
e Endovascular
CRM 139544 / RQE
Agendar
Ícone mapa

Pacaembu

Av. Pacaembu, 1882 - São Paulo/SP

Ícone mapa

Bela Vista . Sírio Libanês

Rua Dona Adma Jafet 71, CJ 64 - São Paulo/SP

Cirurgia de varizes com Radiofrequência

Clínica Total Vascular Agendar Consulta Online

Cirurgia de varizes com Radiofrequência

A Cirurgia de Varizes com Radiofrequência é um tratamento pouco invasivo.

A técnica de Radiofrequência trata as varizes sem tirar as veias doentes. Este método utiliza a energia da Radiofrequência para aquecer a parede da veia, através de um cateter que é colocado no seu lúmen. O aquecimento provoca encolhimento das fibras de colágeno que fazem parte da parede do vaso.

 

Cirurgia com Radiofrequência

Cirurgia com Radiofrequência

Além de ler este texto aproveite para agendar uma consulta e converse pessoalmente com um dos médicos da Total Vascular

AGENDAR

 

A escolha do método anestésico é habitualmente feita entre o médico e o paciente, contudo, a anestesia local apresenta muitas vantagens neste caso. Estando acordado, o doente pode comunicar se sentir alguma dor que possa resultar de aquecimento pelo cateter, através da veia, do nervo cutâneo sensitivo que está na sua proximidade. É também desejável o início rápido da deambulação após a intervenção, que pode ser atrasado com a recuperação de uma anestesia geral.

 

Na cirurgia com radiofrequência não se mexe na virilha, como na cirurgia de safena, ela apenas é fechada com o uso de cateter. É importante que o Angiologista conheça bem o quadro do paciente para alcançar melhores resultados e para evitar possíveis complicações, como: a perfuração do vaso, trombose, embolia pulmonar, flebite, hematoma, infecção, parestesia (dormência ou formigamento) e queimadura de pele.

PÓS-OPERATÓRIO

A recuperação é rápida, podendo o paciente retornar a sua rotina.

 

Envie suas dúvidas para a Total Vascular